quarta-feira, 6 de outubro de 2010

[O soluço de 1 bilhão de almas]

Muitos momentos nas nossas vidas sentimo-nos impotentes diante de situações que gostaríamos que fossem diferentes.
Demorei a escrever sobre minha última experiência porque também demorei a digeri-la, ficou entravada na garganta, um sentimento de que eu nada posso fazer, que nada posso mudar, que não depende de mim, que não tenho nada a oferecer, que não posso...

Passamos a manhã toda numa favela visitando grávidas e as casas de algumas pessoas que nos chamavam por estar com alguma doença. Fomos eu, mais duas enfermeiras indianas e uma enfermeira americana.
Nunca me esquecerei desse dia...
O dia em que vi como sou limitada, pequena, incapaz, miserável, mesquinha, egoísta, inútil...
"Assim também vós, quando fizerdes tudo o que for mandado, dizei: Somos servos inúteis, porque fizemos somente o que devíamos fazer." (Lucas 17:10)
Eu sei que é Deus em mim que operar todas as coisas, eu creio nisso!
Mas quando me deparei com tanta pobreza, tanta miséria, tanta aflição, tanta sujeira, tanto abandono, tanto descaso, não tive outro pensamento senão o de querer mudar o que estava vendo o mais depressa possível!

Como pode? Ali no meio da cidade?! Todos passam e ninguém vê.
Mas quando o Espírito Santo nos abre os olhos para ver e abre nossos ouvidos para ouvir o clamor dos pobres, necessitados, famintos e perdidos; ficamos chocados em como passamos tanto tempo sem perceber. E quando o Espírito Santo coloca esse clamor nos nossos corações, não podemos suportar...
E foi exatamente assim que aconteceu comigo: não suportei.

Passei o tempo todo ali, sendo ministrada pelo Espírito, sem dizer quase que palavra alguma, porque sabia que se falasse algo, ia chorar.
Envergonhada por passar tanto tempo para ver, ouvir e atender esse clamor, mesmo de uma forma tão pequena e quase insignificante.
Ao chegar em casa a única coisa que pude fazer foi chorar.
Chorar e pedir perdão à Deus por demorar tanto...
Chorar e clamar à Deus por mudança...
Chorar e orar à Deus por transformação...
Chorar e pedir para ser canal de mudança junto com outros mais, para levar, através de Cristo, transformação! Porque li uma vez (não lembro onde) e é uma verdade, que não podemos orar por aquilo que não estamos dispostos a SER A RESPOSTA...



" O soluço de um bilhão de almas na Terra me soa aos ouvidos e comove o coração; esforço-me, pelo auxílio de Deus, para avaliar, ao menos em parte, as densas trevas, a extrema miséria e o indescritível desespero desses mil milhões de almas sem Cristo. Medita, irmão, sobre o amor do Mestre, amor profundo como o mar; contempla o horripilante espetáculo do desespero dos povos perdidos, até não poderes censurar, até não poderes descansar, até não poderes dormir." [Carlos Inwood]

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

sOmBrA

É bem ali, escondido na sombra, ou seria buscando a sombra, quase desapercebido - como a maioria das pessoas e das situações que não são lá muito agradáveis - estava ele, sentado, descansando, observando ou apenas sonhando (quero acreditar)...
O que pensaria essa criança? Quais seriam seus sonhos? Onde estaria sua esperança? Por que não estava brincando? Por que não estava estudando? Quem é ela? Será que alguém um dia se importará?
Às vezes algumas pessoas conversam comigo com um certo entusiasmo por eu estar na Índia, outro país, sei lá o que pensam. Podem achar que estou aqui a passeio, me divertindo, conhecendo lugares lindos, diferentes, conhecendo e aprendendo sobre a cultura milenar ou sobre pessoas, conhecendo pessoas, fazendo amigos...
É verdade tenho conhecido muitos lugares (nem tanto quanto gostaria) e visto muitas pessoas e situações. Mas acima de tudo, e cada vez mais, tenho tido a certeza que as pessoas que pensam assim (como disse acima) não fazem a mínima ideia do que é o mundo e suas necessidades, menos ainda, não fazem ideia do que é a Índia e sua escravidão, menos ainda (talvez essas mentes consigam alcançar), não fazem ideia do que é seu país, sua cidade, sua rua, seu vizinho. Estão confortáveis com seus trabalhos, com suas casas, com seus projetos pessoais, com aquilo que é importante para si mesmo. Não veem o outro, o próximo, ninguém. Somente o 'eu' é importante, somente o 'meu' faz diferença.
Um pensamento simples não é capaz de penetrar nessas mentes, que existem pessoas que enxergam outras pessoas e não somente a si mesmo.
Um pensamento simples, bem simples, como repartir.
Algo simples como compartilhar.
Simples como doar.
Amor? Nem fale nisso, porque seria utopia, fantasia, delírios de uma mente fora desse mundo.
A criança da foto é apenas uma das milhares de crianças sem nenhum tipo de esperança em suas vidas. É apenas uma indiana. Mas existem milhares delas aqui na Índia, ai no Brasil e ao redor do mundo. Crianças e pessoas que escondem-se na sombra, cansadas de viver, cansadas de esperar. Crianças e pessoas que estão na sombra porque não importa onde estejam, ninguém as enxerga, então é melhor se esconder.
Hoje, ao ler Atos dos Apóstolos, fiquei um tanto constrangida com a determinação, coragem e amor de Paulo. Ele sabia o que devia fazer e ia em frente. Não parou pelas circunstâncias, nem pelas adversidades, nem pelas surras, nem pela dor, nem pela perseguição, nem pelas ameaças. Ao ponto de declarar, num momento de pura inspiração, consolo, conforto e fortificação do Espírito Santo:
" Mas em nada tenho a minha vida por preciosa,
contanto que cumpra com alegria a minha carreira,
e o ministério que recebi do Senhor Jesus,
para dar testemunho do evangelho da graça de Deus."
(Atos 20:24)

terça-feira, 17 de agosto de 2010

a ViDa!

Recebi um e-mail um tempo atrás que me fez refletir sobre a ViDa.



LEIA um trecho:

"Por mais que a gente não perceba ou se recuse a aceitar, o tempo voa... E com ele, mais do que minha imagem, o risco é deixar de lado minhas ideias, meus sonhos, minhas vontades, minha essência, esquecer quem eu sou. Você já pensou nisso? O problema é que a vida passa diante dos nossos olhos e a gente nem percebe. E, depois, tarde demais, vai querer saber o que fez de bom sem ter tempo de recuperar. Enquanto dá tempo, faça a sua vida valer a pena, antes que seja tarde demais."



Fiquei pensando em quantas coisas perdemos por sermos orgulhosos ou presunçosos demais achando que temos o controle de tudo.

Fiquei pensando em quantos momentos simples me fizeram tão feliz e, por quase toda a minha vida, busquei por momentos extraordinários (cheguei a compartilhar com uma amiga sobre isso).

Fiquei pensando em quanto tempo que perco com coisas sem valor e quantas coisas verdadeiramente preciosas perco porque não dou o tempo necessário a elas.

Fiquei pensando em como desisti de sonhos, vontades, ideias por ouvir que não se realizariam ou que não teria forças para alcança-los.

Fiquei pensando em como seria bom não só pensar mas, principalmente, agira dessa forma.




Não sei se isso é sinal de amadurecimento ou se não estou preparada para a velhice (hehehe :O), mas sei que a cada dia que passa posso ver e ter a certeza de que a ViDa (enquanto corpo) é curta demais...





video

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

The answer is blowing in the wind... A resposta está soprando no vento... Será???



Recebi um e-mail, desses de que você recebe todos os dias, sobre pensamentos, coisas engraçadas, descobertas, enfim...

Para minha surpresa era apenas a letra de uma música com algumas fotos ilustrando a canção.

O mais inesperado foi perceber que essa música tem muito a nos fazer pensar...
Questões como a paz, a guerra, a compaixão, a liberdade, a esperança...
Veja:

"Quantas estradas precisará um homem percorrer
Antes que possam chamá-lo de homem?
Quantos mares precisará uma pomba branca sobrevoar
Antes que ela possa dormir na praia?
Quantas vezes precisarão balas de canhão voar
Até serem para sempre abandonadas?
A resposta, meu amigo, está soprando no vento
A resposta está soprando no vento...
Quantos anos pode existir uma montanha
Até que ela seja levada pelo mar?
Quantos anos podem algumas pessoas existir
Até ser permitido elas serem livres?
Quantas vezes pode um homem virar a sua cabeça
E fingir que ele simplesmente não vê?
A resposta, meu amigo, está soprando no vento
A resposta está soprando no vento...

Quantas vezes precisará um homem olhar para cima
Até poder ver o céu?
Quantos ouvidos precisará um homem ter
Até que ele possa ouvir o clamor do povo?
Quantas mortes custará até que ele saiba
Que gente demais já morreu?
A resposta, meu amigo, está soprando no vento
A resposta está soprando no vento
A resposta está soprando no vento."
(Robert Zimmerman - Bob Dylan )

Não, a resposta não está soprando no vento!

A resposta somos eu e você!

Transformando o mundo, após sermos transformados por Cristo!

Gerando vida, após recerbermos a vida Dele!

A resposta somos você e eu!

quarta-feira, 28 de julho de 2010

...há algo que precisa ser sabido...

"O meu bom senso não me diz claramente o que é, mas deixa claro que há algo que precisa ser sabido. Esta é a tarefa da ciência (e a nossa tarefa diária) que, sem o bom senso do cientista (sem o bom senso da Palavra), pode se desviar e se perder. Não tenho dúvida do insucesso do cientista (das pessoas) a quem falta a capacidade de adivinhar, o sentido da deconfiança, a abertura à dúvida, a inquietação de quem não se acha demasiado certo das certeza (e que busca respostas). Tenho pena e, às vezes, medo do cientista (das pessoas) demasiado seguro da segurança, senhor da verdade e que não suspeita sequer da historicidade do prórpio saber." Paulo Freire.


Escreveria aqui o que pensei ao ler essa frase, o por quê de estar postando, minha opinião e experiência sobre ela.

Mas não vou fazer nada disso.

Vou deixar que você pense e busque suas próprias reflexões, porque na verdade é isso mesmo que gostaria que você refletisse: nas suas palavras, nas suas atitudes, nas suas respostas, nas suas promessas, nas suas canções e no seu silêncio...

Diante da vida, das alegrias, das tristezas e da injustiça.
Diante do novo, do inesperado, dos sonhos alcaçados e das frustrações.
Diante das pessoas comuns, da família, dos amigos e de Deus.

quinta-feira, 1 de julho de 2010

[ é TeMpO de descansar e deixar que DEUS seja DEUS ]

Mas como é difícil descansar
vendo tudo ao redor
mover-se
como se um grande tornado
estivesse por vir...

Descansar exige trabalho...
Isso mesmo, trabalho
das mãos,
da mente,
do coração...

Trabalho afim de se fazer
com que eles não intrometam-se
naquilo que não sabem,
naquilo que não podem,
naquilo que não foram designados a fazer...

Mas que só Deus pode!

Até para descansar é preciso
demandar um certo esforço
das mãos para que elas aquietem-se
e deixem que outras mãos (as do Pai) façam o trabalho.

Algum esforço da mente
para que ela não vague demais,
não vá para outro lugar,
não desista de aquietar-se
e de submeter-se à Ele.

Um grande esforço do coração
para que ele espere,
confie, acredite, renove-se,
encha-se de vida, coragem, amor
e não desista de bater...


"Em verdes pastagens me faz repousar e me conduz às águas tranquilas." (Sl 23:2)

segunda-feira, 28 de junho de 2010

"Trabalho é adoração"



"Se quisermos revelar o Reino e toda a Sua glória, precisamos da perspectiva de Deus sobre profissões e trabalho. Uma grande parte de como O conhecemos e O desfrutamos para sempre, é descobrindo o trabalho que Ele nos designou para fazermos. Revelamos Deus através do trabalho das nossas mãos. Assim como Ele revelou a Si mesmo através da Sua criação, nosso trabalho revela quem somos, o que cremos e em quem cremos e a quem adoramos. Uma das experiências mais degradantes para os seres humanos é sentirem que não tem nada para contribuir ou terem a sua contribuição rejeitada ou desvalorizada. Deus nos deu seis dias para adorarmos através do trabalho e um para o descanso.
Com nossa concentração nos ministérios tradicionais da igreja - evangelismo e missões - e nossa dicotomia secular-sagrado, nós perdemos a Teologia do laicato, ou seja, a perspectiva de Deus sobre o trabalho fora da instituição igreja. (...) Ao deixarmos a cegueira quanto ao chamado de Deus para missões, nós, em missões, desenvolvemos uma nova cegueira quanto ao chamado de Deus para o resto da Sociedade. (...)
O resultado dessa mentalidade é que a maioria do povo de Deus vai ao trabalho 5 ou 6 dias por semana para ganhar dinheiro e esperam os domingos chegarem para poder realmente fazer algo para Deus. Que tragédia! não é de se admirar que sejamos uma Igreja sem influência. Assim que passamos para o lado de fora do santuário, ficamos sem saber o que fazer pelo reino de Deus. O que perdemos é uma Teologia de trabalho e os propósitos de Deus para todos os dons e talentos. Se queremos reconquistar a influência histórica dos cristãos em nossa sociedades, temos de recuperar a perspectiva de Deus sobre todas as profissões."


COPE, Landa. Modelo Social do Antigo Testamento: redescobrindo princípios de Deus para discipular as nações. Almirante Tamandaré-PR: Gráfica e editora Jocum Brasil, 2007, p.178 e 179.
.
.
.
.
.
.
.
Todos os mandamentos do Senhor se resumem a dois: "Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo." (Mt 22:37-39)
Como cumprir essa ordem, sem demonstrar isso, com nossas vidas?

Landa Cope fala que adoramos a Deus com nosso trabalho.
Porém, muitas vezes ou por muitos anos, perdemos essa oportunidade.
Mas existem milhões de pessoas no mundo que não perdem...

Veja,
analise,
reflita,
pense,
obtenha conclusões
sobre essa FOTO acima.

Uma pura demonstração de amor!

Nessa foto estão: a professora de saree, alguns alunos com seu 'material' escolar (uma lousinha para cada com pequeninhos pedaços de giz), a 'sala' de aula (do lado de fora de um barraco na favela) e os 'materiais' didáticos (uma pequena lousa e um alguns gizes).
.
.
.
.
.
.
.
"...e não tivesse amor, eu nada seria." (I Co 13:2b)

sexta-feira, 18 de junho de 2010

PaRa MeDiTaR: vAiDaDe '


"Busco na vida tantas coisas,
que nem sei por que razão
Fortaleço minha vontade
pra que tudo aconteça,
do meu jeito

Corro enquanto acredito,
persisto até chegar ao fim
Pra descobrir lá no final
que eu corri atrás do vento

O que eu preciso,
os homens não podem dar
O que eu preciso,
a prata não vai comprar
O que eu preciso,
o mundo não pode dar
O que eu preciso,
é habitar contigo.....
Oh Deus!

Atraia-me,
para perto de Ti
Esconda-me,
oh Deus

Esconda-me Senhor...

Esconda-me do Pecado

Esconda-me desse Mundo

Esconda-me Senhor"

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Entrego meu coração ao Senhor, porque todo meu prazer, toda minha esperança e toda minha força está Nele. Eu vivo só para Ele!


Quando cheguei aqui na Índia o Senhor me deu uma palavra muito dura, que a maioria de nós não gostaria nem um pouco de ouvir.
Esta palavra dizia respeito de morte, entrega, anulação...

Desde então o Senhor tem trabalhado, e eu posso ver, no sentido das palavras acima. Mas não que isso tem sido algo ruim, ao contrário, através dessas experiências tenho visto nitidamente a mão de Deus me levando a crescer e ser.

Nesse processo em que estou, duas músicas o Espírito Santo tem ministrado ao meu coração de forma singular, particular, profunda, específica e transformadora.
Vou deixa-las escritas para vocês para que o mesmo Espírito que tem trabalhado e ministrado em minha vida, possa fazer na sua.


"None but Jesus...

In the quiet, in the stillness
I know that You are God
In the secret of Your presence
I know there I am restored
When You call I won't refuse
Each new day again I'll chose
There is no one else for me
None but Jesus
Crucified to set me free
Now I live to bring Him praise
In the chais, in confusion
I know You're sovereign still
In the moment of my weakness
You give me grace to do Your will
When You call I won't delay
This my song through all my days
All my delight is in You Lord
All of my hope
All of my strength
All my delight is in You Lord
Forevermore.
"

"This is my desire...

This is my desire
to honour you
Lord with all my heart
I worship You
All I have within me
I give You praise
All that I adore is in You
Lord I give you my heart
I give you my soul
I live for you alone
Every breath that I take
Every moment I'm awake
Lord have Your way in me.
"


Amém.

ps.: a tradução das músicas fica por conta de quem ler... rsrsrssss

sábado, 29 de maio de 2010

Um pensamento que voou pela mente...

Por que pessoas às vezes são tão complicadas?
Por que dizem o que não querem, fazem o que não querem, sentem o que não querem? Por que o bem que queremos não conseguimos e o mau que não queremos é este que fazemos? (Rm 7:19)
Ou pior, por que pessoas se escondem atrás de suas dúvidas, de seus erros, de suas inseguranças? Será que não veem que isso são máscaras que usam para disfarçar seu verdadeiro eu, sua verdadeira vontade, seu verdadeiro querer? Será que não percebem que estão camuflando algo que um dia virá a ser mostrado como verdadeiramente é?
Meu Deus...
Por que pessoas ás vezes são tão más?
Por que não importam-se com o próximo, não colocam-se no lugar do próximo, não pensam que há um próximo? Por que não são sinceras, verdadeiras, honestas?
Ou pior, por que pessoas fingem ser boas, porém, na verdade, são muito más? Será que pensam que enganarão por muito tempo a todos? Será que tem a doce ilusão de que serão sempre aceitas novamente depois de um pedido de perdão? Será que não percebem que os frutos de suas ações serão colhidos por elas mesmas, independente do que façam no futuro?

Passou isso pela mente e continuo a pensar: em como pessoas podem ser tão diferentes daquilo que foram planejadas a vivenciar?
Como pode ter-se tão diferentes comportamentos de algo que possui uma essência perfeita?
Pior ainda, como pode ter-se tão diferentes comportamentos em uma única/mesma pessoa?

Não dá...
Algo tem que mudar!

Somos criados à imagem e semelhança de Deus (Gênesis 1:26a).
E a essência de Deus é o amor.
Então nossa essência também deveria ser o amor.

E o que é o amor senão a escolha que fazemos a cada dia de termos comportamentos, pensamentos e palavras inspirados e espelhados no Criador...
O que é o amor senão sofrer sem merecer, doar sem possuir, não desejar o que o outro tem, não julgar o que se vê, não preciptar-se em decidir, não orgulhar-se do que se é, comportar-se bem em qualquer situação, não buscar seus interesses, colocar o outro à frente, não irritar-se de maneira nenhuma, buscar a verdade em tudo, sofrer, crer, esperar, suportar... (ICo 13:4-7)

Um pensamento voou pela mente quando olhei a desigualdade que há. Comecei a analisar as pessoas e suas respostas que são dadas sem pensar, ao ar.
Muitas coisas sobre o assunto me vieram a mente e ainda estão aqui, voando daqui pra lá.
A primeira conclusão que cheguei, ouvi uma doce voz a me falar: "basta VOCÊ amar, não importa onde, quando, por quê, quem... Ame sem indagar.
Não preocupe-se com as pessoas que assim são ou que assim fazem.
Porque agora Eu não estou olhando pra elas, Eu estou olhando VOCÊ e o que VOCÊ tem pra me mostrar?"

terça-feira, 25 de maio de 2010

.º°*¨*°º.LuZ.º°*¨*°º.


Há algumas postagens atrás escrevi uma frase e comentei estar num momento de pensamentos novos e que posteriormente estaria comentando sobre o assunto.

Chegou a hora! (rsrs)

Tenho vivido dias de crescimento e mudanças perceptíveis na minha vida.
E como estou feliz com isso!
Não sei você, mas eu nunca me conformei com meus erros, sempre quis melhorar, acertar. Mas não pense que sou perfeccionista... De maneira alguma! Ta aí uma característica que não possuo meeeeeeeeeeeeeesmo!

Porém ser uma pessoas melhor e diferente de todos aqueles que parecem ser iguais, sempre foi algo que passou pela minha mente e tomou conta do meu coração.
Fazer a diferença. Marcar a minha própria vida e a de outros...
Não ter uma vida comum, uma história sem graça...
Este era, ou melhor, ainda é meu sonho.

E o que tem haver esse meu desejo de ser diferente e fazer diferença com meus dias de crescimento e mudança aqui?
O que tem haver, é que descobri nesses dias que para realizar este meu sonho eu preciso apenas bRiLhAr...

"Senhor eu vi o sol surgir
E acordar minha manhã
Me levanto pra Te dar louvor

Senhor eu vi Tuas estrelas a brilhar
Brilhar pra Ti
E me chamas pra brilhar também


E eu Te dou esta canção
E levanto um clamor
E Te entrego meu viver

Brilharei como as estrelas que estão no céu
Ao lançar Tua verdade na escuridão
Viverei pra Tua glória
Cristo, viverei pra Tua glória

Clamarei bem forte em Teu louvor
Sendo luz a este quebrado mundo
Viverei pra tua glória
Cristo, Viverei pra tua glória


Radiante como sol
Enviando a Tua luz
Que a Igreja se levante
Explodindo em amor
Como forte resplendor
Incendeia Tua Igreja"

Descobri também que quando escolho brilhar as coisas mudam para os outros e para mim!
Minha visão sobre pessoas, especialmente sobre o povo indiano, tem mudado dia a dia. E só para comprovar isso Deus tem me feito sentir cada vez mais confortável e feliz com o lugar e com as pessoas.
Digo que Deus tem feito, porque de mim mesma seria impossível isto acontecer.

Mas quando disse para Deus que eu desejo brilhar onde estiver, Ele começou a criar situações simples do cotidiano, me mostrando que brilhar depende de mim, porque a Sua luz já habita em mim. Dependia apenas de uma postura minha e não dos outros ou das situações.

Alguns pensamentos meus mudaram, algumas atitudes também.
Ainda há muito o que mudar, mas tenho certeza de estar no caminho certo!
Está sendo maravilhoso! E sei que ainda muito mais virá...

Hoje sou diferente do que era ontem, com certeza um pouco melhor.

sábado, 8 de maio de 2010

ApReNdEnDo Um PoUcO mAiS...

Nas ultimas semanas Deus tem me ensinado e o mais importante eu tenho aprendido (rsrs), coisas novas...
E' engraçado como passamos a ver situacoes, pessoas, a vida de forma diferente quando nos permitimos aprender com o doce, consolador e amável Espírito Santo.

Vivi momentos de muito choro, dor, lutas e confrontos nos últimos meses.
Mas agora, no mês de Maio, eis que surge radiante a esperança!

Posso ver o que Deus fez em mim nos ultimos dias, o que Ele te me ensinado tem sido precioso demais e estou aprendendo, o que mais me alegra nisso tudo...(rsrs)

Aprendendo a analisar as situacoes e extrair o que há de mais valioso de cada uma delas.

Aprendendo a render gracas em toda circunstancia e a ter um coracao alegre sempre! Isso mesmo, sempre... (I Tessalonicenses 5:16,17 e 18)

Aprendendo a olhar para as pessoas (falo aqui especialmente do povo indiano e também de todos que conheço) e enxergar vidas com necessidades físicas, espirituais e emocionais. A enxergar vidas construídas em bases por vezes não muito solidas, por vezes nem tendo bases, nem tendo exemplos. A enxergar alem das aparências (isso aqui e' bem difícil!). A ter compaixão, misericordia, enfim, a amar...

Aprendendo a viver de forma que minha vida faca diferença na vida de alguém.
Não anseio a fama, o reconhecimento, a notoriedade diante de ninguém.
A única pessoa que desejo agradar e' a Deus...
Mas desejo ser influencia na vida de alguém(e uma influencia que gere vida).
Desejo impactar com a VIDA que habita em mim aqueles em que não há mais brilho no olhar, não há mais esperança...

Deus tem me ensinado há todo momento aqui a ser diferente, quando todos querem ser iguais. A ser tolerante, quando todos querem brigar. A ser amável, quando não há mais paciência. A ser menos, quando todos querem ser mais...
Isso não e' fácil... Não estou dizendo que sou tudo isso, mas estou aprendendo...
E quero aprender sempre, enquanto viver...

O mais engraçado de tudo isso e' que tenho aprendido com situacoes simples do dia-a-dia. Desde uma conversa no ponto de ónibus com uma senhorinha indiana chamada Barbara (conversamos quase 1 hora, claro que ela falou bem mais do que eu, porque meu inglês ainda e' baseado em mímica, mas foi um momento muito bom!). Ate a observação de pessoas que eu nem sei quem são, onde vão, mas que podia ver no olhar perdido e vazio o desespero da procura por vida...

domingo, 2 de maio de 2010

MEDITAÇÕES III: uMa FraSe...

"Não passam de traidoras as nossas dúvidas, que as vezes nos privam do que seria nosso... Se não tivéssemos o receio de tentar!" (dizem que é de Shakespeare)
.
.
.
.
.
.
.
Só achei bonita a frase e coloquei porque na verdade penso que a dúvida nos impede de viver e sei que a vida é curta demais... Quando vê, já passou...

(devo tá numa crise de idade, ô meu Deus!!!kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk)

Logo, logo vou escrever o que Deus tem me falado.
De antemão quero dizer que estou sendo surpreendida com meus pensamentos, que tenho plena consciência que são pensamentos vindo diretamente do Espírito Santo. Porque me conheço e sei que não pensaria dessa foram sem a ajuda dele.

sábado, 24 de abril de 2010

MEDITAÇÕES II: DiFeReNçAs...


Essa foto poderia perfeitamente ter esse título: DiFeReNçAs...
Não tem muito haver com o texto, mas expressa:
quão lindo e maravilhoso é viver as diferenças!

Bom, essa meditação começou há alguns dias e acho que ainda não acabou... (rsrs)

Como somos diferentes uns dos outros.
As diferenças entre as pessoas é algo inevitável, imprescindível...
Não há, nem nunca haverá duas, sequer duas pessoas iguais.
Estou falando aqui de ideias e não de aspectos concernentes ao físico. Falo de pensamentos, atitudes, respostas aos acontecimentos. Falo de personalidade, falo do ser.

Gosto sempre de ir ao dicionário para ver o significado exato de palavras que ficam a ressoar em minha mente...
E diferença, segundo o Aurélio é:
"1. Qualidade daquele ou aquilo que é diferente (não semelhante, desigual, mudado, variado).
2. Falta de semelhança, alteração.
3. Desconformidade.
4. Diversidade.
5. Divergência.
6. Desavença.
7. Inexatidão.
8. Prejuízo; transtorno."

E se em todos os seres humanos há diferenças- porque somos diferentes em TODOS os aspectos- por que sempre queremos estar com pessoas iguais a nós (ou ao menos achamos que são)?

Li uma frase de um poeta que amo, Carlos Drummond de Andrade: "A amizade é um meio de nos isolarmos da humanidade cultivando algumas pessoas."
Mesmo amando Drummond não posso concordar com isso! Relacionamentos verdadeiros são aqueles que nos fazem nos questionar, pensar, refletir e mudar.
Eu mesmo tenho com meus melhores amigos histórias sobre discussões, que não nos fizeram menos amigos, mas pessoas melhores!
Contudo, na maioria das vezes, queremos e buscamos cultivar apenas as pessoas que pensam igual a gente, que não divergem das nossas opiniões, que se conformam com nossos pensamentos, que aceitam nossas respostas, que não confrontam nossos comportamentos...
Enfim, é mais cômodo, é mais fácil, é mais confortável, é mais simples.

E quem disse que viver uma vida simples é viver uma vida boa?
É na divergência, na diversidade, no confronto, na diferença que crescemos e alçamos voos mais altos em nossas vidas!

A própria Palavra do Senhor nos fala sobre as diferenças e como ela é essencial à nossa existência e sobrevivência.
Em I Coríntios 12 (LEIA!), Paulo fala de dons e os compara a um corpo. Mostrando-nos que há diferentes dons que se COMPLEMENTAM para formar algo maior, assim como em um corpo há diferentes membros que se COMPLEMENTAM para formar o próprio corpo.
E além de se complementarem, eles NESSECITAM uns dos outros.
Ou seja, não há membro que possa subsistir sozinho ou somente em companhia de membros iguais à ele.

Assim somos nós...

Só vivemos uma vida verdadeira quando compartilhamos nossa vida com pessoas que nos complemente, que sejam necessárias (não indispensáveis, mas ajudadoras).
A diferença não é um sinal de separação, ao contrário, é prova de junção - confluência.

Vivam as diferenças!

quarta-feira, 21 de abril de 2010

MeDiTaÇõEs I: em TUDO busque a direção de Deus!


Josué 9

Josué vinha trilhando um caminho de sucesso e muitas vitórias. Porem é enganado pelos gibeonitas e faz um concerto, um acordo, com eles sem consultar ao Senhor. Josué deixa-se levar pela aparência das pessoas, da situação, pelas palavras de aparente verdade e humildade.
TUDO o que eu for fazer devo pedir conselho, orientação, ao Senhor, porque só Ele poderá dizer-me qual é o melhor caminho e a melhor decisão a ser tomada.
Quando estou a ouvir a direção do Senhor e disposto a obedecer suas instruções, posso esperar o melhor.
Isso não significa que oposições, lutas e pressões não venham, elas certamente virão...
Para não parar no meio do caminho, devo confiar em Deus (em Sua Palavra, o que Ele diz não volta atrás e Ele não mente, nem fica mudando de opinião a todo instante) e me comunicar com Ele diariamente.
Devo fixar meus olhos Nele, somente Nele.
Ter fé de que aquele que prometeu é poderoso para cumprir.
Pois só Ele poderá dar-me força e orientação para suportar as oposições, as lutas e as pressões. Assim como sabedoria para desviar-me do caminho mau e escolher Sua vontade, que é boa, perfeita e agradável...

sexta-feira, 12 de março de 2010

Não Vivo Mais Eu

"NÃO VIVO MAIS EU

Não quero mais ser o que sou.
Quero ter minha vida em Ti.
E seguir Teus passos, Senhor.

Não quero mais viver pra mim.
Quero tomar a Tua cruz
e seguir Teus passos, Senhor.

Quero dizer: 'não vivo mais eu',
quero me esvaziar,
pois Cristo vive em mim.

Quero ser todo seu
Quero me entregar,
estar mais perto de Ti.

Hoje anulo minhas vontades,
Te entrego todos os meus sonhos.
Confio meu destino em Tuas mãos.

Hoje nego a mim mesmo,
Te entrego meus desejos.
Caminho (seguro) em Tua direção."



"E chamando a si a multidão, com os seus discípulos, disse-lhes: Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome a sua cruz, e siga-me. Porque qualquer que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, mas, qualquer que perder a sua vida por amor de mim e do evangelho, esse a salvará." (Mc 8:34 e 35)

quarta-feira, 3 de março de 2010

cOiSaS nOvAs

Fui totalmente inspirada por um video que vi no orkut do meu amigo Fred que fala sobre coisas novas.
Depois recebi um scrap com o video da música "o NOVO de Deus".
E lembrei de uma palavra de uma amiga na ETED que veio de encontro ao que buscava de Deus, Isaías 43:18 e 19
"Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas. Eis que faço uma COISA NOVA, agora sairá à luz; porventura não a percebeis? Eis que porei um caminho no deserto, e rios no ermo."


Liguei uma coisa na outra e entendi que não é só um novo tempo porque é meu aniversário e aniversário nos remete ao início da vida, mas porque é mesmo um novo tempo pra mim, um tempo de cOiSaS nOvAs!

Um novo tempo, novas ideias, novos amigos, novas pessoas, novos caminhos, novos conhecimentos, nova língua, novas visões, novos sonhos, novos projetos, novos desafios, novo jeito, nova mente, novas músicas, novo olhar, novos sabores, novos cheiros, nova rotina, novas Palavras, novos sentimentos, um novo coração, nova casa, um novo amor...

É isso!
.
.
.
.
.
.
.
. . . . . . . A Bíblia sempre fala de algo NoVo:
E dar-vos-ei um coração NOVO, e porei dentro de vós um espírito NOVO; e tirarei da vossa carne o coração de pedra, e vos darei um coração de carne. (Ez 36:26)
Cantai ao SENHOR um cântico NOVO, porque fez maravilhas; a sua destra e o seu braço santo lhe alcançaram a salvação. (Sl 98:01)
Mas o vinho NOVO deve deitar-se em odres NOVOS, e ambos juntamente se conservarão. (Lc 5:38)
Louvai ao SENHOR. Cantai ao SENHOR um cântico novo, e o seu louvor na congregação dos santos. (Sl 149:1)
E vos revistais do NOVO homem, que segundo Deus é criado em verdadeira justiça e santidade. (EF 4:24)
E vi um NOVO céu, e uma NOVA terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. (Ap 21:1)

sábado, 27 de fevereiro de 2010

OpOrTuNiDaDeS

Antes de escrever quero esclarecer aqui que o que escrevo não são verdades absolutas, são apenas pensamentos, meditações, observações... Mas para entender você tem que ler mais de uma vez, porque todo texto tem um contexto, e uma vez ouvi que a leitura de um trecho é pretexto para não aceitar, interpretar e entender o contexto. Então não pegue uma frase isolada e faça dela uma verdade, leia o texto todo. Analise e certifique-se que entendeu para poder expressar sua opinião. Isso serve para todo texto que você lê, principalmente a Bíblia. A diferença é que na Bíblia contamos com o nosso ajudador e professor o Espírito Santo, peça a ele que lhe ajude a entender, compreender, a ter mais do que conhecimento, a ter revelação da Palavra!

EFÉSIOS 5:15 a 21

Esse texto de Efésios fala sobre a vida em comunidade.
Exorta-nos a viver como sábios e completa dizendo para aproveitarmos cada oportunidade.
Para mim é isso mesmo que Paulo falou: viver como sábios é saber aproveitar cada oportunidade!

Quando acordamos não sabemos o que acontecerá no nosso dia, mas podemos ter certeza de que milhares de oportunidades aparecerão.
Oportunidade é a qualidade do que é oportuno. E oportuno é o que vem a tempo ou a propósito.
Todos os dias temos oportunidades, basta-nos saber aproveitarmos ou não...
Essa é a diferença entre uma vida de satisfação ou de frustração: saber distinguir, selecionar e escolher a melhor de todas as oportunidades que nos cercam.

Aqueles que não veem oportunidades no seu dia, são aqueles que não as procuram. Porque elas estão ai! A todo o momento chegam a nós...
Temos oportunidade de fazer pessoas felizes ou infelizes; temos oportunidade de sorrir ou de virar o rosto; temos oportunidade de mudar ou de continuar iguais; temos oportunidade de crescer ou de permanecermos ignorantes; temos oportunidade de trabalhar, de servir, de ser gentil, educado, ou apenas de sermos inúteis e insensíveis; temos oportunidade de fazer a diferença ou sermos mais um na multidão; temos a oportunidade de amar ou sermos indiferentes...
Procure oportunidades!

Depois devemos selecionar as oportunidades.
Paulo nos dá a dica em Efésio 5:17, dizendo que selecionamos as melhores oportunidades compreendendo qual é a vontade do Senhor.
Quem faz isso é sábio, quem não faz é comparado ao insensato.
Está aí a satisfação ou a frustração. Somos frustrados quando vivemos fora da vontade do Senhor, porque vamos agindo de maneira insensata sem saber o caminho em que estamos andando e muito menos onde queremos chegar.
Selecione as melhores oportunidades!

Por fim, escolhemos desfrutar (viver) as oportunidades.
E escolher viver as melhores oportunidades é sinônimo de sabedoria!
Sabedoria não se resume a pensamentos filosóficos bem elaborados, mas a uma prática simples do cotidiano.
Ser sábio é saber colocar em prática nos conflitos e deleites do dia-a-dia a vontade do nosso soberano Senhor.
Desfrute das suas oportunidades!

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Muitos questionamentos tem afligido minha mente, dúvidas sobre coisas que antes eu tinha certeza e convicção.
Mas hoje ao abrir a Bíblia somente para ler uma passagem e tentar entender algo em inglês, abri em Juízes 6. (rsrs ...porque em Cristo não há coincidências... rsrs)

O Espírito Santro ministrou algo muito forte ao meu coração e me deu uma palavra de ânimo!

Gideão se achava o menor de todos o mais impotente, o que não tinha nada a oferecer, o mais fraco e menos capacitado, contudo o Anjo do Senhor o saúda da seguinte maneira: "O Senhor está com você, poderoso guerreiro".

Só de saber que o Senhor está comigo já me trouxe paz, preencheu meu coração, me deu ânimo para o dia e me fortaleceu, porque não estou sozinha!
Ultimamente tenho me visto assim, sozinha em meio a grande multidão... Por todos os lados há pessoas, muitas pessoas, mas ao mesmo tempo não vejo ninguém.
Mas sei que não estou sozinha, eu sei, hoje eu sei e tive a certeza através da Palavra, a doce e impactante Palavra de Deus!

Agora, Gideão ouviu do Senhor: "...poderoso guerreiro..."
Quanta honra.
E mais, a visão que o Senhor tem de Gideão é totalmente diferente da visão que ele tem dele mesmo. Assim é conosco!
A nossa visão sobre nós mesmos é totalmente diferente e, porque não distorcida, da visão que Deus tem de nós...
Obrigada Senhor!

Um guerreiro tem as mãos adestradas para o combate, ele está pronto!
Agora, um poderoso guerreiro é alguém que o inimigo não se pode ir contra de qualquer jeito, porque nele há um diferencial: poder!
Gideão faz vários testes com o Senhor, mostrando sua insegurança e que não havia entendido sua posição já alcançada.
Como eu estava esquecendo-me de quem eu sou em Cristo!
O Senhor responde a todos testes e Gideão passa a obedecer a voz de Deus.

Quando Gideão passa a ouvir e obedecer a voz de Deus, o Espírito do Senhor toma conta de todo o seu ser e uma coragem que ele nunca havia demonstrado surge. Gideão passa de um homem inseguro, que não sabia quem era, para chefe de um exercíto!

Obrigada Senhor por me mostrar quem eu sou!
Ajuda-me a sempre ouvir Sua voz e obedecer...

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

A EsCoLhA é SuA!

MALAS PRONTAS!!!!!!!

Está quase tudo pronto e o meu sentimento é de paz, alegria e satisfação...

Minha paz, alegria e satisfação está em cumprir o que Deus me propôs!


Porque ao contrário do que muitos pensam, Ele não impõe Seus planos à nós, antes nos faz propostas, que podemos aceitar ou não.

Se aceitamos... Bem, partimos para uma vida de aventura, mas muita proteção! Uma vida de surpresas, mas descanso no Senhor! Uma vida de renuncias, mas ganhos eternos! Somos mais do que felizes!!!

Se não aceitamos... Bem, continuamos a viver! Felizes também, protegidos e descansados. Mas perdemos as surpresas e a aventura...


Eu entendi e aceitei os planos de Deus pra minha vida, aliás, quando eu experimentei os planos do Pai, vivi os melhores dias!

Dias de alegria, satisfação, graça, conforto, consolo, sustento, paz, esperança, prosperidade, fidelidade, completude, crescimento, amadurecimento, renuncias, surpresas, aventuras, bênçãos... Enfim, poderia listar pra vocês até amanhã e não dar conta de dizer o que o Senhor tem operado em mim e através de mim também, eu creio.

Como disse Calebe "...eu porém perseverei em seguir ao Senhor meu Deus." (Josué 14:8). E depois dessa declaração ele conquistou, ele recebeu a terra sonhada por 45 anos! Calebe pode pisar na sua terra de herança: Hebrom!


A escolha é sua...

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

SOBRE O LIVRO

A Thais me emprestou um livro que demorei ler por querer absorver cada mensagem, cada palavra e pensamento do autor.
Terminei de lê-lo, mas não ainda de capturar tudo o que o livro tem para oferecer.
Quero hoje, colocar um parágrafo, apenas um parágrafo, que tenho certeza que o fará (como o fez comigo) pensar por dias...

"Estar salvo do inferno e livre de cometer os pecados mais grosseiros é muito bom, mas, a meu ver, é uma condição espiritual muito elementar. Quando Paulo foi à cruz de Cristo, experimentou o milagre da regeneração. Mas, depois, quando foi crucificado com Cristo, conheceu um milagre maior, o da identificação. Acredito ser esse o mais forte argumento do apóstolo - estar morto e vivo, ao mesmo tempo. "Porque morrestes", diz Paulo aos colossenses. Vamos aplicar isso à nossa vida. Nós já morremos? Já morremos para as acusações e para os elogios? Morremos para o que ocorre no mundo, para as opiniões humanas? Morremos a ponto de não fazer mais caso do reconhecimento dos outros? Morremos de tal modo que não protestaremos se alguém receber os louvores por algo que foi ideia nossa? Ah que sublime, doce e gratificante experiência essa, de termos Cristo vivendo em nós por meio de Seu Espírito!" (RAVENHILL, Leonard. Porque tarda o pleno avivamento? Ed. Betânia: Belo Horizonte. p.157)

domingo, 3 de janeiro de 2010

FeLiCiDaDe Ou AlEgRiA

A palavra FELICIDADE traz à mente uma série de imagens como o desembrulhar presentes em uma manhã de Natal, caminhar de mãos dadas com a pessoa que amamos, receber surpresas em nosso aniversário, responder com incontrolável gargalhada a um comediante ou passar férias em lugares exóticos.
Todos querem ser felizes, e fazemos da procura desse ilusório ideal o projeto de toda um vida, gastando dinheiro, colecionando coisas e procurando novas experiências.
Mas a felicidade depende de nossas circunstâncias, daquilo que acontece quando os brinquedos enferrujam, nossos entes amados morrem, a saúde deteriora, o dinheiro é roubado e a festa termina. Muitas vezes a felicidade desaparece, dando lugar ao desespero.
Em contraste com a felicidade está a ALEGRIA. Sim a alegria!
A alegria mais profunda e mais forte, é a tranquila e confiante certeza do amor de DEUS e de sua obra em nossas vidas.
É a certeza de que Ele sempre estará presente, não importa o que aconteça.
Sempre com Seus braços estendidos, acolhendo e motivando a prosseguir.

A felicidade depende exclusivamente de acontecimentos.
Mas a alegria depende necessariamente de CRISTO.


"Regozijai-vos sempre no SENHOR, outra vez digo: regozijai-vos!" (Fl 4:4)